Quais são as células do sangue ?

O sangue é composto de plasma e de células. O plasma é constituído, em sua maioria, de água e proteínas.

As células do sangue são: os glóbulos vermelhos (eritrócitos ou hemácias), os glóbulos brancos (leucócitos) e as plaquetas.

PARA QUE SERVEM AS CÉLULAS DO SANGUE?

-Glóbulos vermelhos (eritrócitos ou hemácias): são células sanguíneas que carregam hemoglobina. Eles são responsáveis pelo transporte do oxigênio dos pulmões para os tecidos e pela retirada do gás carbônico para ser eliminado pelos pulmões.


-Glóbulos brancos (leucócitos): são responsáveis pela defesa do nosso organismo contra agentes infecciosos como vírus ou bactérias e também nos protegem contra substâncias estranhas. Para defender o corpo adequadamente, uma quantidade suficiente de leucócitos deve ir aonde é necessário, matar e digerir os organismos e as substâncias prejudiciais.

Como todas as células sangüíneas, os leucócitos são produzidos na medula óssea. Eles originam-se de células células-tronco. As células-tronco se diferenciam e amadurecem em um dos cinco tipos principais de leucócitos: neutrófilos, eosinófilos, basófilos, monócitos e linfócitos.

A contagem dos leucócitos normalmente varia de 4.000 a 10.000 células por microlitro. A leucopenia, diminuição da quantidade de leucócitos pode ocorrer devido ao uso de determinados medicamentos, administração de quimioterápicos, como resultado de infecções, deficiência de produção ou destruição por anticorpos. A leucocitose, um aumento da quantidade de leucócitos, pode ser uma resposta a infecções, traumatismos, estresse ou do uso alguns medicamentos.

Os cinco tipos de leucócitos ou glóbulos brancos são:


-Plaquetas: são fragmentos de grandes células que compõem o sistema de coagulação do sangue e age na prevenção de hemorragias. Chama-se de plaquetopenia a baixa contagem de plaquetas no sangue. O número reduzido de plaquetas pode ser decorrente da falta de produção, por uso de determinados medicamentos ou por destruição.

Assim, o paciente pode apresentar sangramentos, hemorragias, hematomas e petéquias (pequenas manchas vermelho-arroxeadas, produzidas por vazamentos do sangue das veias para os tecidos). Para corrigir a baixa contagem, o paciente pode ser submetido a transfusões de plaquetas.

Plaquetas ativadas na formação do coágulo com auxílio das proteínas de coagulação, evitando a perda excessiva de sangue.

AMEO conquista registro no Conselho da Criança e Adolescente

A Associação da Medula Óssea conseguiu o aval do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) par

Casa de Apoio realiza brechó beneficente

Nos dias 18 e 19 de outubro a AMEO promoveu um bazar na Casinha voltado para os pacientes. O objetivo é oferecer produto

Conheça a nova parceria da AMEO com brechó diferenciado

23/ 09/ 2016 Agora a rede de Brechós My Way é parceira da Associação da Medula Óssea de São Paulo. O brechó que têm 3 lo
Rua Dona Veridiana, 410 - Sala 32, Vila Buarque - 01238-010 São Paulo, SP
top