Bazar Solidário da AMEO reúne pessoas em busca de economia

Processo Seletivo para Coordenador de Projetos – PRONON
3 de setembro de 2019
AMEO abre processo seletivo para compor a equipe.
7 de outubro de 2019

Bazar Solidário da AMEO reúne pessoas em busca de economia

A AMEO realizou seu 10º Bazar Solidário nos últimos dias 8, 9 e 10 de setembro. O evento que já se tornou tradicional foi realizado pelo segundo ano consecutivo em parceria com o Studio Camarín que gentilmente cedeu o espaço que fica ao lado da Casa de Apoio para a realização dos primeiros dois dias de evento. Pela primeira vez o Bazar foi realizado no domingo para dar oportunidade àquelas pessoas que trabalham durante semana de poder comparecer e garimpar. No último dia as roupas foram vendidas na própria Casinha.

As roupas novas são doadas pelas Lojas Pernambucanas como de costume. O preço baixo e a qualidade das peças atraíram dezenas de pessoas atrás de economia. Nosso bazar teve um público bem diverso esse ano: pessoas do bairro, pacientes e familiares, funcionários da Santa Casa, funcionários e familiares. Mais uma vez o espaço cedido pelo Studio Camarín ajudou a impulsionar as vendas, pois foi possível oferecer as peças em araras e cabides, despertando maior interesse nos compradores e em quem passava de frente ao salão.

A preparação e separação de milhares de peças já haviam sido feita dias antes pelas funcionárias da AMEO. Elas organizaram mais de 473 blusinhas, 175 calças jeans, 221 camisetas, 344 peças infantis, entre outras, totalizando quase 2326 peças. Com roupas masculinas, femininas, infantis, sapatos e com preços variando entre $6 e $32 reais no máximo, o Bazar foi um sucesso. O lucro ficou por volta de 25 mil reais! Um valor muito importante para a Casa de Apoio para a qual todo o dinheiro arrecadado é revertido. Com esse dinheiro é possível manter a Casinha por dois meses.

Deixamos aqui nosso agradecimento às Lojas Pernambucanas que fazem doações para nosso Bazar desde 2010, ao Studio Camarín por ceder o espaço e aos voluntários que nos ajudaram nos dias do evento: Sandra Tavares e Francisco Werllen.

Quem comprou no nosso Bazar não apenas economizou, mas também ajudou a dar esperança a muitos pacientes de medula óssea. A Casa de Apoio foi fundada em 2010 para atender pacientes de ambos os sexos, desenvolver ações de intervenção social e acolhida ao paciente e o seu cuidador. A Casinha atende de segunda a sexta-feira das 8h00 às 17h00 e acolhe, aproximadamente, 70 famílias da grande São Paulo, como Casa de Passagem, distribuindo mensalmente auxílios sociais como cesta básica, leite, produtos de higiene pessoal, medicamentos, vale transporte e apoio assistencial.